• Peniel Segurança Eletrônica

Alarme de Incêndio: Prevenção é Prioridade

Atualizado: 28 de mai.


“O usuário final é responsável pela manutenção preventiva e corretiva do sistema de detecção, alarme e combate a incêndios” (NBR 17240:2010 item 10.11).


O principal objetivo de um sistema de alarme e detecção de incêndio é detectar e alertar a população que se encontra no interior da edificação, no menor espaço de tempo, quando da ocorrência de um início de incêndio.


A agilidade com que o sistema gera o alerta de incêndio se traduz em preservação de vidas. Mas também se traduz em redução de perdas.


No Brasil, o alerta à população interna é geralmente o único objetivo dos sistemas, pois é o que é exigido pelos órgãos fiscalizatórios, principalmente pelos bombeiros. Entretanto, em outros países, a redução de perdas é levada mais a sério. Isso digo pelo fato de que aqui, a grande maioria dos sistemas instalados em empresas onde não há ninguém no período noturno ou mesmo em determinados dias (domingos ou feriados por exemplo), quando possuem sensores que detectam o incêndio, e não apenas acionadores manuais, tocam apenas a sirene no local, sirene esta que provavelmente não será ouvida por ninguém.


Já em outros países, o uso de detectores de incêndio e conexões a centrais de monitoramento que recebem o aviso em caso de incêndio é a regra e não a exceção. Para isso disponibilizamos nossa Central Peniel 24h (click no link e saiba mais).


Outra distorção que encontramos na visão geral de nosso país é não perceber que sensores e dispositivos eletrônicos estão sujeitos a defeitos. Neste quesito nossa normatização se encontra a frente da visão geral. A NBR 17240:2010 no seu item 10 define que todos os sistemas de alarmes de incêndio devem receber revisão preventiva a cada, no máximo, três meses. E isto deve ser feito por empresa habilitada, com ART do serviço registrada no CREA (item 10.1 da referida norma).


Para atender esta necessidade e exigência normativa, a Peniel desenvolveu o seu “Contrato de Manutenção Preventiva Trimestral e Corretiva”, que além da preventiva, realiza manutenções corretivas quando solicitado.


Mas quais as razões para contratar este serviço da Peniel:

a) Reduzir ao máximo o risco de sensores e demais dispositivos falharem em caso de incêndio;

b) Atender a exigência da norma técnica vigente (ver mais detalhes no link: NBR 17240:2010 item 10);

c) Evitar o não ressarcimento de perdas pelo seguro, pelo não cumprimento das normas vigentes;

d) Evitar que os responsáveis pelo condomínio ou empresa sejam responsabilizados por negligência. O item "10.11” da referida norma técnica define que: “O usuário final é responsável pela manutenção preventiva e corretiva do sistema de detecção, alarme e combate a incêndios”.



615 visualizações